quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

Respire

Posso sugerir algo ?

Dê uma parada no que você está fazendo, feche os olhos e respire fundo, não uma, mais duas, três, quatro vezes, solte a respiração pela  boca devagar, e imagine as coisas boas que existem na sua vida, sua família, filhos, amores, alegrias, seu emprego, os colegas e clientes que dividem o ambiente com você, pense em coisas boas, e respire fundo (É de graça !). Já percebeu que você nem percebe que respira ? Faz isso automaticamente......e percebe agora como é bom, como faz bem pensar em coisas boas 95% e deixar de lado as ruins 5% ? E já percebeu como por vezes fazemos o contrário ? Deixamos que os 5% se tornem mais significativos que os 95% ?

Cuide da sua saúde, cuide de você, ame a vida, ligue para quem você ama e diga isso....faça agora.....Sejam felizes !

“As Empresas de Sucesso são formadas por Pessoas Felizes”


sábado, 31 de janeiro de 2015

segunda-feira, 1 de setembro de 2014

sábado, 2 de março de 2013


Missão Organizacional
 
É a razão de existir de uma organização, identificando o foco principal de sua atividade.


quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Efeito Rashomon

Rashomon (羅生門 Rashōmon) é um filme japonês de 1950 escrito e dirigido por Akira Kurosawa, em colaboração com o diretor de fotografia Kazuo Miyagawa, é considerado uma de suas obras primas e foi o filme que o projetou para o Mundo.
Com um modelo de narrativa não convencional o filme sugere a impossibilidade de obter a verdade sobre um evento quando há conflitos de pontos de vista. "Rashomon" se tornou um provérbio para qualquer situação na qual a veracidade de um evento é difícil de ser verificada devido a julgamentos conflitantes de diferentes testemunhas.
Na psicologia, o filme emprestou seu nome ao chamado "Efeito Rashomon".
Este efeito retrata com precisão as interpretações da pessoa que olha um fato pela ótica que lhe é conveniente. Portanto, olha-se para ver o que se quer ver.
Na psicologia, o efeito Rashomon informa que é possível que existam versões diferentes e contraditórias sobre um mesmo objeto de estudo. Tudo depende do ator e da perspectiva.
Nas organizações o “Efeito Rashomon” também está presente e tem influência direta no clima organizacional, pois a percepção que cada indivíduo tem em relação à cultura organizacional depende das suas perspectivas individuais, o chamado “Ponto de Vista”.
Imaginem esse efeito em um grupo de 20, 200, 2 mil, ou mais colaboradores.
Para amenizar os danos que essas percepções diversas podem causar é importante se praticar um processo de comunicação claro e transparente em relação à cultura e ao clima organizacional em que os colaboradores tenham a oportunidade de ouvir, de entender questões de maneira uniforme, de falar sobre esses temas com o grupo e com o gestor da área e se sentirem realmente ouvidos, de reclamar mudanças que considerem importantes e de sugerir implantações que afetam positivamente o seu cotidiano, o cotidiano de seus pares e parceiros e da própria organização.
A boa comunicação vai garantir o alinhamento e entendimento uniforme das percepções que envolvem cultura e clima e vai garantir também o alinhamento entre discurso e prática, o que proporciona credibilidade ao processo e dá aos colaboradores autoestima, o sentido de fazer parte de algo maior do que suas tarefas diárias e o orgulho de pertencer à organização.